segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Mário Quintana

Canção do dia de sempre

Tão bom viver dia a dia...

A vida assim, jamais cansa...

Viver tão só de momentos

Como estas nuvens no céu...

E só ganhar, toda a vida,

Inexperiência... esperança...

E a rosa louca dos ventos

Presa à copa do chapéu.

Nunca dês um nome a um rio:

Sempre é outro rio a passar.

Nada jamais continua,

Tudo vai recomeçar!

E sem nenhuma lembrança

Das outras vezes perdidas,
Atiro a rosa do sonho
Nas tuas mãos distraídas...
Mário Quintana

4 comentários:

Chica disse...

Quintana sempre encanta! Lindo!beijos,tudo de bom,chica

Lectores Inquietos Poemas 웃ღ웃 disse...

Hola amiga lindo canto poetico
entre esencias naturales con sabiduria....

Un sincero abrazo besos humildes
que tengas un feliz dia...

Eliane Gonçalves disse...

Oi,

Eu adoro Mário Quintana...simplesmente maravilhoso...

Bjos,

Eli.

MYS disse...

Olá amigas,

Chica,Lectores Inquietos e Eli, sou muito grata,

vcs enchem meu coração de alegria.

Voltem sempre!!!

abç de luz
MYS